Semana 11: Preparados para ganhar

smileSemana após semana o tipo de problemas com que nos vamos defrontando são mais complexos porque, com o aprofundamento do conhecimento de cada um dos atletas – naquilo que eles nos podem dar e naquilo que eles desejam para si – permite-nos completar as equações que cada um dos jovens representa para o treinador. Agrada-me esta ideia de treinador como o matemático que, perante o fluxo de dados, vai tentando enquadrar as respostas possíveis – porque não existe uma só conclusão que seja verdadeira e universal, um jovem em crescimento, como um adulto, está sempre a mudar.

Esta aquisição de conhecimentos permitiu-nos, numa semana em que um feriado municipal nos retirava uma unidade de treino, aproveitar esse tempo para experimentar novas abordagens. Com um manancial enorme de imagens e vídeos sobre basquetebol disponíveis na rede, escolhemos um conjunto de atletas para os quais sentimos como benéfico a utilização de vídeos para melhorarem as suas ações. Por um lado, tentamos demonstrar que aquilo que pedimos nos treinos é repetido, com sucesso, por jogadores e equipas de topo. Conseguimos demonstrar isso em vídeos onde atletas tomam os caminhos mais “simples” para resolver os problemas do jogo ou através de movimentos coletivos que provocam situações de vantagem – ver aquilo que lhes é pedido na NBA, por exemplo, tem um impacto enorme na estratégia de convencimento de um atleta. Para outros casos, a opção passa por abrir portas à imaginação dos nossos atletas. Encaminhar vídeos com determinadas jogadas, para jogadores que tenham as características físicas para as poderem copiar, poderá levar a que também eles tentem repetir esses efeitos no treino.

A chave é alimentar neste diálogo visual que os nossos atletas se possam interessar por repetir ou experimentar os movimentos e ações que consideramos importantes como fundamentos do jogo e menos a espetacularidade de determinadas jogadas que só alguns génios conseguem alcançar. Nesta fase da sua formação, o importante é que eles saibam fazer as coisas bem feitas, para que depois conjuguem a mestria técnica com a sua própria criatividade.

A semana terminou com um momento em que a equipa se mostrou, pela primeira vez nesta temporada, preparada para ganhar. Perante um adversário de um nível mais próximo, ainda que detendo vários atletas fisicamente mais disponíveis, conseguimos começar a colocar em competição os princípios que queremos para a nossa equipa – capacidade de leitura do jogo, defensiva e coletivamente, entrega e concentração total no jogo, disponibilidade para sacrificar desejos em prol do coletivo. Isso permitiu-nos vencer em dois períodos e dar luta num terceiro. No final, o resultado no marcador não espelhava aquilo que todos nós sentíamos. O trabalho compensa e estamos hoje todos muito mais convencidos de que é com ele que vamos atingir os nossos objetivos.

Hoje há treino!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s